Em meio à movimentação do jogo político pré-eleitoral, será oficializada pelo governador Jaques Wagner (PT) a troca do comando da Empresa de Turismo da Bahia - Bahiatursa, vinculada à Secretaria Estadual de Turismo. Conforme especulado, a empresa será administrada por Diogo Medrado, filho do deputado federal e presidente estadual do partido recém-criado Solidariedade (SDD). A presidência do órgão é um dos acordos cumpridos pelo governo para a permanência da sigla na base de sustentação e consequente apoio à candidatura do deputado federal Rui Costa ao Palácio de Ondina. O deputado federal confirmou a posse de Diogo, às 17 h desta quarta-feira. Medrado não quis atribuir o cargo à adesão ao projeto petista, mas evidenciou que esse foi um dos itens negociados. “Não tínhamos deixado de apoiar. Nós apoiamos Rui Costa há mais de dois meses em evento na UPB. Só faltavam alguns compromissos e esse era um que o governo agora cumpriu”, disse. Diogo chegou a ser nomeado dias atrás para uma das diretorias da Bahiatursa, mas teria recusado o cargo, após alegar ter sido maltratado pelo dirigente Fernando Ferrero. Tal fato chegou a ameaçar a continuidade da aliança do SDD com o governo, inclusive com rumores de namoro com a oposição, conjuntura que estaria sendo costurada pelo prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM). Especulou-se que Diogo ocuparia a direção da Saltur. Embora Medrado ressalte a oficialização do filho no posto, a informação não foi admitida pelo governo ontem.(Tribuna)


banner adv

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player