Foto: Divulgação 

Ao ser reconduzido hoje para presidir a Federação das Santas Casas, Hospitais e Entidades Filantrópicas do Estado da Bahia (FESFBA), Mauricio Dias defendeu maior união dos associados para que “possamos montar estratégias que nos ajudem a enfrentar os graves problemas”. Dias foi reconduzido para o período 2016-2019 durante assembleia onde o enfoque foi a situação difícil que atinge o setor filantrópico.

A crise que se torna a cada dia mais grave, principalmente em razão das dificuldades por que passa a economia brasileira, foi analisada pelo deputado federal Antonio Brito, também presidente da Frente Parlamentar de Apoio às Santas Casas no Congresso Nacional: “a ampliação dos problemas em 2016 exige a união de todos  nós, porque a crise hoje castiga pequenas santas casas 100% SUS do interior e também  grandes  entidades que  além  do SUS atendem saúde suplementar, já que com o desemprego a demanda do atendimento de saúde suplementar também sofre redução”.


banner adv

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player