A Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), por meio da Superintendência de Agricultura Familiar (Suaf), concedeu 656 Selos de Identificação da Participação da Agricultura Familiar (Sipaf) para diversos produtos da agricultura familiar, beneficiando cerca de sete mil agricultores familiares na Bahia. A Portaria número 007 foi publicada no Diário Oficial, deste fim de semana. O selo tem como objetivo identificar os produtos produzidos pelos agricultores familiares, assentados da reforma agrária, do crédito fundiário, dos povos e comunidades tradicionais e de empresas, que tenham em sua composição a participação majoritária de produtos oriundos da agricultura familiar. Com o selo, fica facilitada a comercialização dos produtos nos programas de compras governamentais, como Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). Esse instrumento contribui ainda para fortalecer a identidade social da agricultura familiar, perante os consumidores e dá visibilidade às empresas e os empreendimentos que promovem a inclusão econômica e social dos agricultores, gerando mais empregos e renda no campo. Foram beneficiados 170 empreendimentos nos Territórios de Identidade Litoral Sul, Sertão do São Francisco, Chapada Diamantina, Metropolitano de Salvador, Litoral Norte e Agreste Bahia, Piemonte da Diamantina, Sisal, Baixo Sul, Recôncavo, Portal do Sertão, Bacia do Jacuípe, Piemonte do Paraguaçu, Vale do Jequiriçá, Velho Chico e Semiárido Nordeste II. Atualmente, os dois últimos territórios concentram o maior número de selos concedidos no estado.


Prefeitura de Salvador

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player




banner adv