Prefeita anuncia reforma do terminal tur�stico durante homenagem aos guardi�es do culto afro

Ao som de cantos que enaltecem a cultura afro-brasileira, 26 representantes dos povos de terreiro foram homenageados, nesta sexta-feira (11/8), como Guardiões da Religião de Matriz Africana, pela Federação Nacional do Culto Afro-Brasileiro (FENACAB), com apoio da Prefeitura de Lauro de Freitas. O toque cadenciado da Orquestra de Berimbaus ecoou pelo Centro de Referência da Cultura Afro-Brasileira na reverencia aos homenageados.

Para a prefeita Moema Gramacho, esse momento serve para reforçar ainda mais o compromisso da gestão com a ancestralidade e o resgaste da cultura negra, com as políticas públicas voltadas para atender essa população que, historicamente, foi excluída.

“Hoje nós estamos parabenizando os guardiões e guardiãs da nossa ancestralidade, pois dessa forma a gente pode celebrar nossa cultura. Um povo que não conhece e não valoriza seu passado não pode resgata a identidade para o presente nem construir o futuro”, disse a prefeita.

Durante seu pronunciamento, Moema anunciou a reforma do Centro de Referência da Cultura Afro-Brasileira, do Terminal Turístico Mãe Mirinha de Portão, e do espaço Mauanda, criada na sua gestão anterior para sediar o comercio de produtos confeccionados pelos próprios membros de terreiros.

“Faremos uma reforma em todo o terminal turístico e tudo isso será discutido com o povo, para que eles digam como podemos aproveitar melhor o espaço. Além disso, com a reabertura do Mauanda, iremos fomentar a produção dos terreiros, movimentando também o comercio e gerando emprego e renda”, contou a prefeita.


banner adv

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player