A Prefeitura, através da Secretaria de Cultura e Turismo (Secult) e do Consórcio Cria Rumo Arandas, realizou, nesta terça-feira (7), um encontro para a elaboração do Plano de Ação para o Desenvolvimento do Turismo Étnico-Afro de Salvador. O encontro de líderes que aconteceu no Teatro Gregório de Mattos, e teve como objetivo a coleta opiniões de pessoas do segmento cultural para saber o entendimento deles sobre o projeto, como ele deve se desenvolver e como pode ser fortalecido. A iniciativa, que teve caráter participativo, visa fomentar o turismo étnico na cidade, gerando oportunidades de emprego e renda para a população afrodescendente.
 
O evento reuniu líderes de referência em diversas atividades turísticas e étnico-afro para apresentar a metodologia e coletar informações que serão agregadas ao projeto. Os próximos passos consistem na realização de entrevistas individuais com as lideranças e oficinas nos bairros.
 
“O Plano de Ação Étnico-Afro visa fomentar a incorporação da população afrodescendente nas atividades associadas ao turismo, atuando nos diversos aspectos já reconhecidos, como a música, a gastronomia e as artes, que já funcionam como ativo e atrai a atenção de turistas nacionais e internacionais. A iniciativa busca legitimar e valorizar esse setor dentro da sociedade e, junto com as lideranças, comprometê-los com os resultados e colocá-los ao nosso lado para acompanhar a execução das ações que irão ser definidas no plano e buscar também participação no resultado econômico que o turismo oferece a Salvador”, afirmou Cláudio Tinoco, titular da Secult.
 
O produtor cultural e líder comunitário do Curuzu Paulo Cambuí contou que a expectativa para o desenvolvimento do projeto é grande. “A proposta desse encontro é muito importante, há anos buscamos implantar e qualificar alguns destinos na nossa comunidade para que as pessoas possam conhecer a nossa cultura. Estar aqui hoje é muito importante porque poderemos expor nossas ideias. E organizando tudo, tenho certeza que os resultados virão, porque já tivemos a oportunidade de receber turistas no Curuzu e eles ficaram bastante encantados”, afirmou.
 
Já o líder religioso e representante comunitário do bairro de Matatu de Brotas conhecido como "Pai Iôiô" destacou a importância que a prefeitura vem dando ao turismo na cidade. “É muito importante essa iniciativa da Prefeitura, porque vai valorizar o turismo cultural, étnico, religioso e vai desmistificar preconceitos. Além de valorizar os líderes religiosos e projetos sociais comunitários”.
 
Projeto - O Plano de Ação Étnico-Afro teve a ordem de serviço para início da ação assinada e apresentada pelo prefeito ACM Neto, na última quinta-feira (2), ao lado dos secretários municipais de Cultura e Turismo (Secult), Cláudio Tinoco, e da Reparação (Semur), Ivete Sacramento, demais autoridades, convidados e imprensa. O consórcio selecionado via processo licitatório para conduzir o plano foi o Cria Rumos Arandas, que contará com investimento de cerca de R$ 728 mil, dentro do Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur).

banner adv

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player