O deputado estadual Targino Machado, Líder da Oposição na Assembleia Legislativa, relembrou, nesta tarde de quarta-feira, no plenário da Casa, que em 2010 o então presidente Lula fez um corte de R$ 1.28 bilhão na educação.

Segundo Machado, os pares que fazem parte da base do governo baiano, que estão criticando o presidente Jair Bolsonaro pelo contingenciamento nas universidades federais, se esquecem do fato.

“As vozes da bancada do governo da Assembleia Legislativa criticam o contingenciamento feito na educação pelo Governo Bolsonaro, mas esquecem que, em 2010, o então presidente Lula realizou um corte de R$ 1.28 bilhão da educação. Contingenciamento não é nenhuma novidade. Os deputados de governo precisam olhar para trás para agradecer e aprender com o que Lula fez, e ninguém reclamou”, disse.

Targino também destacou os diversos problemas na educação baiana em consequência da péssima gestão do setor no Governo Rui Costa.

“Os deputados da base criticam o corte nas universidades federais promovido pelo presidente Jair Bolsonaro, mas esquecem que o governador da Bahia, Rui Costa, redimensionou o orçamento das universidades estaduais, congelou salários e enfrenta a greve dos professores, que completa um mês. Entre 2017 e 2018, o governo da Bahia deixou de aplicar 110 milhões em suas quatro universidades estaduais”.


Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player




banner adv