Os Analistas Técnicos do Estado da Bahia estão cobrando do governo do Estado uma solução para o grave problema que a classe, que atua em todas as Secretarias do Estado e no administrativo da PM, capital e interior, vem enfrentando. Segundo o presidente da Associação dos Analistas Técnicos do Estado da Bahia (ATEBA), Marcelo Bittencourt, “a classe vem atravessando tempos difíceis, pois está a cinco anos sem recomposição salarial. Além disso, os Analistas Técnicos aguardam ansiosamente que o Governador autorize logo a Publicação da Promoção 2018 e 2019, com a devida reestruturação da Lei, que amplia ou readequa o quadro de vagas, visto que, as vagas para as classes 4 e 5, há muito tempo já se encontram estranguladas”.


Prefeitura de Salvador
banner adv

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player