Foto: Laerte Santana/PMLF

Base Comunit�ria de Itinga completa sete anos e comemora resultados positivos

A Base Comunitária de Segurança de Itinga comemorou, nesta quinta-feira (15), sete anos de implantação e integração com a comunidade local e mais de 8.500 jovens acolhidos nas atividades e cursos oferecidos na unidade. Homenageada no evento comemorativo, a prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho, destacou o trabalho da BCS-Itinga como símbolo de desenvolvimento social, educativo e cultural do município. 

A BCS-Itinga, que faz parte do programa Pacto pela Vida, foi a sexta a ser implantada na Bahia. “Esta base cumpre um papel importante que é o de polícia cidadã. Aqui temos o desenvolvimento de projetos sociais que vêm transformando vidas desde a sua inauguração em 2012 e que contribui para a redução dos índices de violência contra a pessoa e contra o patrimônio”, ressaltou Moema Gramacho   

De acordo com a prefeita houve uma redução de 18% nos índices dos crimes violentos e contra a vida na Região Metropolitana e, principalmente, em Lauro de Freitas. “Aqui no município temos o maior contingente de segurança pública da região, considerando sua proporção”, completou Moema.

Lauro de Freitas conta com duas companhias da Polícia Militar, três delegacias, a sede da Polícia Metropolitana, Ronda Maria da Penha, Batalhão da Choque e outros serviços que compõem o conjunto de equipamentos de segurança. 

O secretário da Segurança Pública, Maurício Barbosa, enfatizou as bases comunitárias como as implantações mais expressivas do Pacto pela Vida. “As BCS buscam a interação com a sociedade pelo viés do engajamento coletivo e valorização dos jovens”. Ressalta ainda a relação direta da redução de crimes com os serviços oferecidos, sobretudo o encaminhamento profissional de milhares de jovens.

Já o comandante-geral da PM, Anselmo Brandão, disse que o trabalho de prevenção é o pilar das bases. Ainda segundo o comandante, os dados de violência consideram apenas as estatísticas da saúde e não refletem a sensação de segurança em Lauro de Freitas. 

Projetos que fazem a diferença

A jovem Natalie Souza, 17, faz parte do projeto Vidas em Cenas da BCS-Itinga. Em março deste ano, a estudante foi indicada ao prêmio Braskem, na categoria atriz revelação, com a peça A Rede – Memórias Compartilhadas. Ela conta que a oportunidade de iniciar no teatro por meio das aulas ministradas na base mudou a sua vida. “Nunca pensei que um policial pudesse ensinar teatro. Através das aulas eu não só perdi a timidez, mas pude crescer em diversas dimensões. Hoje eu não saio mais de lá” narrou.

Além de teatro, a Base Comunitária de Segurança de Itinga desenvolve outros projetos como: Vida Leve, que são atividades físicas e cuidados para o idoso; Xadrez pra Vencer, nas escolas locais; e Anjos Marrons, voltado às práticas de escoteiros; além do concurso garota BCS. Na comemoração dos setes anos, participaram também os comandantes da 81ª e 52ª CIPM, de policiamento Região Metropolitana, e outras autoridades militares e municipais de Lauro de Freitas.


banner adv

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player