Hortas comunitárias ganharão abelhas sem ferrão nesta terça-feira (28)

Serão entregues, nesta terça-feira (28), às 14h, dois meliponários – lugar apropriado para hospedar colônias de abelhas sem ferrão – nas hortas comunitárias dos condomínios Vila Anaiti e Vivendas do Imbuí. As estruturas também irão acompanhadas de abelhas da espécie uruçu, nativa do Brasil. Essas serão as primeiras colônias de abelhas entregues pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Sustentabilidade, Inovação e Resiliência (Secis), através do projeto Hortas Urbanas e Pomares. A perspectiva é de que, até o final do ano, cerca de 20 meliponários sejam entregues na capital baiana.

A instalação dos meliponários em hortas já entregues pela Secis não é por acaso. Esse movimento se deve à polinização não só das hortaliças nesses locais, mas também das árvores nativas da mata atlântica plantadas em toda a cidade. Segundo o secretário da Secis, André Fraga, os meliponários vão potencializar o cultivo das hortas comunitárias da cidade e favorecer a biodiversidade em Salvador.

“Aumentar a quantidade de abelhas sem ferrão em nossa cidade é extremamente benéfico para o equilíbrio do nosso planeta. Elas são responsáveis pela polinização de plantas e, com isso, podem aumentar a produtividade em hortas e o número de árvores na cidade”, afirmou Fraga.

Inauguração – Além dos meliponários, na quarta-feira (29), às 9h, será entregue também uma horta comunitária no bairro Alto do Cabrito. Dessa vez, será o Grupo Cultural E² (é ao quadrado) que ficará responsável por cultivar hortaliças que propiciarão uma alimentação mais orgânica e saudável para a comunidade do espaço.

Foto: Jefferson Peixoto/Secom  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *