Fórum debate importância da educação para o mundo do trabalho em Lauro de Freitas

A importância da educação para o mundo do trabalho foi um dos pontos de relevância do I Fórum do Microempreendedor Individual de Lauro de Freitas, realizado na manhã desta quarta-feira (29), na Unime. O evento teve como tema ‘Regulamentando o sonho’ e foi promovido pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), por meio da Coordenação da Cidade Educadora, em parceria com a Secretaria Municipal de Trabalho, Esporte e Lazer (Setrel). Instituições públicas e privadas voltadas para a educação e incentivo ao empreendedorismo também colaboraram com a iniciativa.

O público do evento foi formado por pequenos e microempreendedores do município, destacando os profissionais que fizeram cursos de qualificação promovidos pela Semed. “Eu aprendi muito com os cursos”, ressaltou o microempreendedor Roberto da Hora, proprietário de um pequeno mercado no Parque Santa Rita, no bairro de Itinga. “Aprendi sobre controle financeiro, compras, logística e estratégias de atendimento ao cliente”, afirmou.

Segundo Roberto da Hora, após a aplicação dos conhecimentos adquiridos ele percebeu uma melhora de 30% nas vendas de seu estabelecimento. Em busca de resultados semelhantes, a vendedora de produtos de beleza, Rosilene de Oliveira Souza, também participou dos cursos de qualificação profissional e estava atenta às discussões do fórum. “Fiz o curso para me qualificar; aperfeiçoar minha habilidade de vendas”, afirmou.

Mesa de abertura – A mesa de abertura foi formada com gestores da Semed, a professora mestre da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Inacilma Andrade, que ministrou a palestra ‘O trabalho no contexto atual e a Lei da liberdade econômica’, e o representante do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), João Paulo Lima, que ministrou palestras sobre Empreendedorismo.

Após a abertura, representantes da Cidade Educadora apresentaram resultados dos trabalhos de qualificação profissional realizados ao longo do ano passado. Conforme disseram, 90% dos trabalhadores que fizeram o curso Oficina de Ideias, promovido em parceria com a UFBA, se tornaram microempreendedores. O departamento firmou parceria com instituições privadas, qualificando laurofreitenses para atuação em diversas áreas do comércio.

Em 2019, também foram promovidos cursos de gestão empresarial, técnicas de vendas, operador de caixas e auxiliar administrativo, promovidos pela secretaria, durante o segundo semestre do ano passado. Os concluintes destes cursos receberam seus certificados, durante o fórum. O evento foi encerrado com a palestra ‘As vantagens de formalização do MEI’, ministrada pelo professor João Bispo, da UFBA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *