Ministério Público recomenda adoção de torcida única nos BaVis de 2020

O Ministério Público estadual recomendou à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e à Federação Bahiana de Futebol (FBF) que, durante os jogos do BaVi, permitam o acesso ao estádio apenas de torcedores do clube mandante da partida, a chamada torcida única, restringindo a entrada dos torcedores visitantes. A recomendação foi encaminhada hoje, dia 31, pelo promotor de Justiça Carlos Robson Leão, às duas entidades organizadoras, aos clubes Bahia e Vitória, às Polícias Militar e Civil e à Guarda Municipal de Salvador.
Segundo o promotor, desde que o MP recomendou pela primeira vez a torcida única, em 2017, todas as três recomendações expedidas foram acatadas pela CBF. Naquele ano, informa, seis jogos entre os dois times foram realizados sem registro de qualquer conflito entre as torcidas. As recomendações do MP foram adotadas após confronto ocorrido no entorno do estádio no dia 9 de abril de 2017, após o término do clássico, quando um torcedor foi atingido por um tiro disparado por integrante de torcida rival.
Em caso de descumprimento da recomendação, as entidades responsáveis pela organização da competição, os clubes, as associações de torcedores, inclusive seus dirigentes, serão responsabilizados por qualquer evento de violência ocorrido no “perímetro de segurança externo definido pelos órgãos de segurança pública”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *