Júnior Muniz pede agilidade nas apreciações da ALBA nas proposições relacionadas à pandemia

Durante a sessão plenária legislativa de ontem, 1º de abril, realizada por teleconferência, o deputado estadual Júnior Muniz (PP) solicitou em seu pronunciamento celeridade da Casa para as proposições relacionadas ao enfrentamento da pandemia Covid – 19. “As propostas são medidas de urgência, representam serviços essenciais na vida dos cidadãos baianos, que vivem estado de calamidade pública. Não dá para esperar os tramites de passar por comissão e voltar para apreciação, temos que ser mais ágeis. Precisamos repensar as apreciações”, pontuou o progressista, que deu como exemplo o pedido do decreto de calamidade pública solicitado por ele para o município de São Domingos quando ainda não existia casos de Coronavírus e até hoje, já com um caso confirmado, o município ainda está sem o decreto. “Isso não pode acontecer! Todos os municípios que solicitarem o decreto de calamidade pública devem obtê-lo prontamente” opinou o deputado.

Desde o início da pandemia no Brasil, o deputado Júnior Muniz apresentou importantes proposições sociais e de enfrentamento à propagação da doença no estado da Bahia, a exemplo da suspensão de eventos, da renegociação de mensalidades escolares e faculdades particulares e da suspensão do corte de serviços essenciais, como água, luz e gás durante o período de quarentena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *