Salvador recebe reforço de 83 novos respiradores contra Covid-19

 O combate ao coronavírus em Salvador ganhou mais uma ação de peso da Prefeitura com a chegada de 83 novos respiradores, destinados aos pacientes em situação grave devido à Covid-19. Os equipamentos, que serão destinados a unidades de saúde próprias da Prefeitura ou administradas em parceria, foram apresentados à imprensa nesta segunda-feira (20), no Centro de Logística Municipal (CLM), em Campinas de Pirajá. Estiveram presentes na ocasião o prefeito ACM Neto e os secretários municipais Leo Prates (Saúde) e Thiago Dantas (Gestão), além do corpo técnico.

O prefeito salientou o esforço da administração municipal em ampliar, de maneira própria, o número de leitos de UTI para assistência às pessoas em situação mais grave devido ao coronavírus. Ele completou, ainda, que as ações de prevenção que vem sendo adotadas pela Prefeitura para enfrentamento à pandemia tem evitado que a capital baiana esteja, neste momento, em situação crítica no sistema público de saúde.

“Graças a Deus, Salvador não tem vivido, ao contrário de outras cidades no Brasil, pré-colapso ou colapso no sistema de saúde pública. O acerto da nossa decisão de controlar os casos, trabalhar com prevenção, sermos duros na suspensão de atividades, agora com apelo forte pelo uso da máscara pela população e que as pessoas continuem, em casa, tem como objetivo evitar o colapso no sistema e a preservação de vidas”, salientou ACM Neto.

Distribuição – Do total, 75 respiradores foram adquiridos com recursos próprios do município e os outros oito foram fruto de doação da iniciativa privada, através da empresa Suzano. Trinta e cinco desses respiradores serão distribuídos a seis Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) do município, que terão “gripários” – espaços dedicados exclusivamente para atendimento de pessoas com suspeita de coronavírus. Os demais serão destinados aos Itaigara Memorial e Hospital Sagrada Família, que foram requisitados pela Prefeitura para esse período de pandemia.

O montante vai ajudar na meta da Prefeitura de ampliar em 250 do número de leitos de UTI na cidade, com capacidade para dar suporte a pacientes mais graves vítimas da Covid-19. Inclusive, segundo o prefeito, já serão disponibilizados, a partir desta terça-feira (21), outros 39 leitos da rede contratada, localizados nos hospitais Municipal de Salvador, Santa Izabel, Português e Martagão Gesteira – este último com dez leitos de UTI pediátrica.

Além dos 83 apresentados hoje, outros 15 respiradores foram doados pelo Hospital São Rafael, pertencente ao Grupo D’Or, e já estão sendo instalados no Itaigara Memorial. Também está sendo construído o Hospital de Campanha, localizado na área do antigo Wet’n Wild, na Avenida Paralela. Até o momento, fruto do esforço municipal, já estão garantidos 195 leitos de UTI com respiradores para reforçar a assistência à saúde de pacientes em estado grave na capital baiana. Cerca de 400 leitos entre UTI e enfermaria já estão sendo trabalhados e organizados pelo município exclusivamente para casos de coronavírus.

Foto: Valter Pontes/Secom

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *