Após avançar sinal vermelho, PRF e PM descobrem que motorista transitava com carro clonado

Um flagrante de infração de trânsito custou caro para um motorista que trafegava na noite de sexta-feira (31), no perímetro urbano (BR-367), em Eunápolis, no extremo sul baiano. Ao abordarem o veículo, policiais rodoviários federais em ação conjunta com policiais militares descobriram que o carro era roubado.

O procedimento de fiscalização de trânsito, motivado por um avanço em sinal semafórico vermelho, resultou em prisão para o motorista de um Hyundai/HB20, por crime de receptação. O excessivo nervosismo do homem de 31 anos despertou atenção dos policiais que, em fiscalização detalhada, encontraram sinais de adulterações nos elementos de identificação do carro.

Após a análise minuciosa descobriram que o carro circulava com placas clonadas, pois, o original possuía ocorrência de roubo, registrada em abril/2020, na capital baiana.

Questionado, o condutor relatou que adquiriu o automóvel na plataforma digital da internet, em um site especializado na compra e venda de bens/produtos. Que deu de entrada 15.000 reais e mais algumas parcelas mensais de 270 reais. Ele também disse que não tinha o Certificado de Registro Veicular (CRV) e nem o contrato de aquisição do bem.

Em conversa com o passageiro, esse informou aos policiais que no dia de hoje ‘colocou’ gasolina no HB20 para que seu amigo o levasse até a cidade baiana de Ubaitaba.

O infrator e o veículo recuperado foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil para formalização do flagrante e demais procedimentos cabíveis.

Com informações da Agência PRF/BA

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *