Edvaldo Brito apoia as medidas do prefeito, mas diz que “ainda falta muito”

O vereador Edvaldo Brito (PSD) viu com satisfação as medidas anunciadas hoje (06.08) pelo prefeito da cidade para quem está devendo impostos municipais. “É um paliativo, mas não atende a todos que passam por dificuldades por causa da pandemia”, diz o vereador. Segundo ele, há três meses que apresenta projetos para resolver esta questão, e não são sequer apreciados nas comissões. Inicialmente, Brito propôs o adiamento do pagamento dos impostos municipais vencidos a partir de quando começou a quarentena. Em seguida, ampliando a ação, apresentou outro Projeto de Lei, dessa vez propondo a moratória das dívidas, que é a suspensão do pagamento, e, depois que os órgãos oficiais decretem o fim da pandemia, o cidadão terá 90 dias para quitar a dívida escalonada, sem juros ou correções, desde que comprove a incapacidade de ter pago durante o período da pandemia. “Há muitas pessoas em extrema dificuldade e não têm nem como se programar para pagar. Por isso, peço ao prefeito e aos meus colegas da Câmara que analisem com cuidado a situação do soteropolitano e aprovem os meus projetos, para que os problemas sejam sanados e possamos retomar as atividades econômicas sem precisar decretar a falência de ninguém, por conta dos impostos municipais”, concluiu Brito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *