Experiência da Copa 2 de Julho será apresentada em Santarém, no Pará

A experiência da Copa 2 de Julho, um campeonato nacional e internacional realizado na Bahia e que no ano passado completou 11 edições, será apresentada  em mesa-redonda marcada para o dia 21 de setembro, em Santarém, município situado no oeste do estado do Pará. Organizado pela Agremiação Atleta do Futuro (AAF), entidade paraense, o debate contará com a presença de Sinval Vieira, coordenador de Excelência Esportiva da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), órgão responsável pela criação e organização da Copa 2 de Julho, iniciada em 2007.

O convite para participação do representante da Sudesb, autarquia da Secretaria do trabalho, Emprego, Renda e Esporte, partiu do presidente da AAF, Joaci Moura, que desde 2016 garante a participação da equipe Santarém na competição baiana. “De ônibus ou mais recentemente de avião, a equipe paraense não se intimida com a longa distância de 7.200 quilômetros (ida e volta) que separam a Bahia e o Pará, marcando sempre presença na 2 de Julho”, conta Sinval.

Ainda de acordo com Sinval Vieira, a experiência da competição baiana irá contribuir com a discussão para alavancar o esporte na região oeste do Pará, revelar jogadores e tirar jovens de situação de vulnerabilidade por meio do futebol. “Em resumo, eles estão buscando criar um evento como a nossa 2 de Julho, hoje considerada uma das principais competições sub 15 do país e cujo propósito é também revelar novos talentos e garantir a conquista do primeiro contrato profissional de jovens jogadores.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *