Bruno Reis propõe ampliação da política de saúde da população negra

O candidato a prefeito de Salvador pelo Democratas, Bruno Reis, defendeu a ampliação da política municipal de saúde para a população negra (pretos e pardos), que representa cerca de 80% dos moradores da capital baiana. A medida prevê a expansão dos serviços de saúde nos bairros mais carentes, assim como o aumento substancial de 15 para 93 unidades de atendimento a pessoas com doença falciforme.

De acordo com Bruno, a Prefeitura vai levar o Programa de Controle do Racismo Institucional (PCRI) para 100% das Unidades de Saúde da Família e Unidades Básicas de Saúde. O candidato também se comprometeu a ampliar as práticas dos serviços de saúde nas comunidades quilombolas e nos espaços religiosos de matrizes africanas, respeitando as crenças e tradições dessa população.

Caso eleito prefeito, Bruno vai promover e formalizar a Política Municipal de Saúde da População Negra, além de estender o atendimento a pessoas com doença falciforme para toda a rede de Unidades Básicas de Saúde de Salvador. A medida pretende reduzir as desigualdades e combater o racismo e a discriminação nas instituições e serviços do SUS na capital baiana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *