Adolfo Menezes se solidariza com famílias das vítimas da tragédia de Capitólio

Presidente da ALBA, em moção de pesar, exortou a sociedade a refletir sobre uma relação mais razoável do homem com o meio ambiente.

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia – ALBA, deputado Adolfo Menezes (PSD), em moção de pesar, se solidarizou com as famílias das vítimas do incidente de Capitólio, nos cânions do Lago de Furnas, em Minas Gerais, ocorrido por volta do meio-dia do último sábado (08.01).

Uma rocha gigante se desprendeu de um penhasco, atingindo quatro embarcações de turistas paulistas e mineiros, ceifando a vítima de 10 pessoas e ferindo outras 32. Todas as vítimas fatais encontravam-se a bordo da mesma embarcação, e tinham entre 14 e 68 anos de idade.

Chefe do Legislativo estadual, no documento entregue à Mesa Diretora da Casa, hoje, destacou a conotação de infortúnio do ocorrido.

“Independentemente da conclusão a que cheguem os inquéritos abertos pela Marinha do Brasil e Polícia Civil de Minas Gerais, tragédia é a palavra que melhor expressa o lamentável incidente no Lago de Furnas”, comentou, o parlamentar.

Embora tenha ressaltado o caráter de tragédia, Adolfo Menezes exorta a sociedade a repensar a relação com o meio ambiente. “O momento é de solidariedade às famílias enlutadas, sem dúvida, mas é sempre sábio uma reflexão mais razoável acerca da nossa relação com a mãe-natureza”, conclama.

Deputado também salientou as belezas naturais da região. “De águas calmas e plenamente navegáveis, conhecido como Mar de Minas, o local é um dos maiores lagos artificiais do planeta; famoso pelos encantadores cânions que emolduram a aprazível região de Capitólio”, elogiou, Menezes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.