O presidente municipal do PDT em Salvador, vereador Odiosvaldo Vigas, criticou as especulações de que o partido possa vir a se transformar em  “barriga de aluguel” na eleição para prefeito nesse ano. Ele reafirmou o projeto para que o deputado estadual licenciado e secretário da Saúde Léo Prates seja o candidato majoritário da sigla. Lembra ainda que o mesmo aguarda apenas a decisão da Justiça Eleitoral para se desligar do DEM e se filiar ao PDT. “Nosso partido está se fortalecendo, teremos candidatura própria na majoritária e bons nomes vão concorrer à Câmara de Vereadores”, frisa Odiosvaldo Vigas, líder do partido no Legislativo Municipal.


banner adv

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player