Uma série de atividades vão marcar o Dia Nacional da Visibilidade Travesti e Trans – comemorado em todo o Brasil no dia 29 de janeiro. Em Salvador, o evento Da Alegria, do Mar e de Outras Consciências – Ano III, além de discutir mercado de trabalho para esta comunidade, vai realizar teste rápido para detectar anticorpos do vírus HIV, por meio do projeto Viva Melhor Sabendo, em parceria com a Instituição Beneficente Conceição Macedo (IBCM). O teste estará disponível a todos os interessados e o resultado, que é sigiloso, é disponibilizado após 30 minutos. As atividades ocorrem no Teatro Gregório de Mattos, de sexta a domingo (29 a 31), das 18h às 21h, com entrada gratuita. 

Apesar de o Brasil ser um país de referência no tratamento da doença, o número de jovens com HIV é crescente, principalmente na faixa etária que vai dos 15 aos 24 anos. Enquanto que no resto do mundo o percentual é de 4%, aqui esse número sobe para 11%, público-alvo deste ano nas ações do projeto Viva Melhor Sabendo “Muitos desses jovens não sabem da sua condição, por isso a importância de se realizar o teste. O HIV, se descoberto no início, permite melhores condições de tratamento, além de diminuir os riscos trazidos pela doença e oferecer uma melhor qualidade de vida. Nossa equipe foi toda capacitada pelo Ministério da Saúde para atuar nesta ação”, destaca o padre Alfredo Dorea, gerente administrativo da IBCM.    


Prefeitura de Salvador
banner adv

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player