O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Bahia (SJDHDS), dá início nesta semana a um novo projeto integrado que vai beneficiar, inicialmente, quatro comunidades com altos índices de vulnerabilidade social em Salvador: Beiru/Tancredo Neves, Fazenda Coutos, Plataforma e Boqueirão/Nordeste de Amaralina.

O projeto Justiça Social - Mais Cidadania reúne políticas públicas, serviços e ações da secretaria com um mesmo objetivo: levar mais cidadania aos baianos e baianas. Com atuação em diversas frentes, a SJDHDS vai promover uma série de ações articuladas entre as diferentes superintendências da pasta, além de agregar serviços de outros órgãos.

"O nosso objetivo é reunir todos os nossos serviços e políticas com o objetivo de promover, efetivamente, justiça social para o cidadão. A ideia é que cada área converse mais, produza conjuntamente e garanta a proteção social integral dos cidadãos e cidadãs, a partir deste amplo projeto que começa em Salvador", explica o secretário da SJDHDS, Carlos Martins.

As superintendências da SJDHDS que trabalharão de maneira integrada são: Assistência Social; Inclusão e Segurança Alimentar; Direitos das Pessoas com Deficiência; Políticas sobre Drogas e Acolhimento a Grupos Vulneráveis; Apoio e Defesa aos Direitos Humanos; e Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-BA).

Entre as diversas ações promovidas pelas superintendências da SJDHDS em parceria com outros órgãos e que serão ofertadas pelo projeto Justiça Social - Mais Cidadania estão: Emissão de Certidões; Teste de Paternidade; Mapeamento da situação de vulnerabilidade da pessoa e família junto ao CRAS, CREAS; Emissão de CPF; Teste de HIV; PROCON Móvel; Emissão de ID Jovem; Educação Alimentar e Nutricional; Passe Livre Intermunicipal para Pessoas com Deficiência; e realização de palestras, diálogos e orientações.

Os atendimentos acontecerão com um calendário organizado para garantir a presença da SJDHDS nas comunidades mensalmente, durante todo o ano. A partir de um cronograma estabelecido, que será divulgado previamente para a população, os serviços estarão disponíveis para serem acessados. Para iniciar o projeto, cada comunidade receberá uma edição do mutirão social realizado pela SJDHDS.


Prefeitura de Salvador

banner adv

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player