Mercado Municipal de Itapuã pode prestar serviços oficiais para a população

O vereador Odiosvaldo Vigas (PDT) encaminhou Ofício 073/2020, de 16 de setembro, ao prefeito ACM Neto propondo que no segundo andar do Mercado Municipal de Itapuã sejam instalados postos de serviços oficiais da Administração para atender a comunidade do bairro. “Além disso, proponho a disponibilização de espaço físico para servir como área cultural da Fundação Gregório de Matos. Observo que já nesse local, já existem bancas para a comercialização de artesanato”.

O edil informa que suas propostas inserem-se no projeto de reforma, requalificação e intervenções em torno do Mercado. “A Prefeitura, por sinal, já trabalha na área, pois passados cinco anos da requalificação total, o estabelecimento enfrenta problemas com o salitre, que destrói e deixa as ferragens em processo de oxidação”. As obras de recuperação estão sob responsabilidade da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), que não encontrou riscos de comprometimento estrutural do prédio.

O legislador diz que a Semop, com a retomada gradativa das atividades econômicas na cidade, que prevê futuramente a liberação dos mercados municipais, retomou e reforçou as vistorias nesses locais, fechados em razão da pandemia do Coronavírus. “E recentemente, o secretário Marcus Passos e a equipe da Semop, visitaram o prédio para avaliar as condições de limpeza e manutenção em geral”. Quando da construção do novo Mercado Municipal de Itapuã, o investimento foi de aproximadamente R$ 5 milhões, o que incluiu recuperação da praça Áurea Teixeira Barbosa, na área lateral da unidade, além de todo o passeio com piso tátil no trecho entre a praça e a avenida Dorival Caymmi.

Odiosvaldo Vigas lembra ainda que como vereador participou ativamente em prol da construção da unidade. “E quando do funcionamento normal do Mercado, promovi no local festas de São João, São Pedro, de Samba, Forró, Dia dos Pais e outras manifestações culturais. Encontros esses que reuniram artristas como Edil Pacheco, Cicinho de Assis e Chico Leite, dentre outros, e que ajudaram a movimentar culturamente o estabelecimento”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *