Pandemia acelera surgimento de novos serviços e cria oportunidades no mercado de saúde

A pandemia do novo coronavírus impôs mudanças no comportamento das pessoas e a tendência é que hábitos adotados relacionados ao bem-estar permaneçam por tempo indeterminado. A disseminação do vírus impulsionou o surgimento de novos serviços no mercado de saúde e remodelou profissões, como a de cuidador de idosos, que passa a exigir uma rotina cada vez mais planejada com cuidados redobrados.

Com o período de quarentena da população brasileira, a realidade do mercado de trabalho atende ao isolamento social dos que podem ficar em casa e precisam de atendimentos mais especializados. O cuidador de idosos se tornou uma modalidade profissional cada vez mais procurada. Isso explica a demanda crescente no mercado por cuidadores capacitados para atender às necessidades de pacientes em estado de saúde fragilizado.

O aquecimento desse mercado se deve, sobretudo ao envelhecimento dos brasileiros. De acordo com uma projeção do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 31% da população terá mais de 60 anos em 2060.

Para garantir o aumento da renda em meio à pandemia, Ana Lúcia Santana Rosa, que era funcionária de uma farmácia, fez o curso de cuidador de idoso e logo começou a trabalhar como cuidadora de idosos. “Na pandemia, eu não fico parada. Se fosse em outro lugar, onde eu trabalhava, com certeza estaria com carga horária e salário reduzidos”, garante a cuidadora.

Diante de uma grande procura, a Padrão Enfermagem Salvador, empresa especializada na intermediação de profissionais de enfermagem e cuidadores de idosos, adultos e crianças, criou uma turma especial presencial reduzida, seguindo medidas sanitárias de segurança, programadas para início de julho na unidade do Parque Bela Vista, na Rua Itatuba, nº 201, Ed. Cosmopolitan Mix, salas 309/310, pontua Angelina Oliveira, diretora administrativa do empreendimento. Maiores informações podem ser obtidas por meio do telefone (71) 9636-7676.

A empresa oferece serviços que vão de procedimentos pontuais, como administração de medicamentos, monitoramento de sinais vitais e testes de glicose; passando pelo acompanhamento integral com cuidadores de crianças e idosos que, além de tratar da saúde dos pacientes, auxiliam com tarefas de higiene e fazem companhia no dia a dia; até um trabalho efetivo de enfermagem e acompanhamento hospitalar para quadros de maior complexidade.

Para ser agenciado, os profissionais de saúde passam por um rigoroso processo de análise, começando por sua formação. É preciso que o indivíduo seja certificado como enfermeiro, técnico de enfermagem, auxiliar de enfermagem ou cuidador, explica Sérgio Amorim, diretor financeiro da empresa.

O profissional é avaliado sem custos ou compromisso. A partir de então, a Padrão Enfermagem Salvador seleciona o profissional mais adequado para o determinado atendimento. Esse primeiro contato também permite verificar se o mais indicado para o caso é um cuidador ou um enfermeiro em um cenário em que o isolamento social, aliado a profissionais qualificados, se apresenta como ferramenta fundamental para evitar a propagação do vírus, principalmente em idosos, que estão entre a população considerada de risco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *