Programa capacita professores da Educação Infantil sobre meio ambiente

A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal da Educação (Smed), iniciou esta semana a formação “Educação Infantil – Programa Pertencimento Ambiental”, na modalidade Ensino à Distância (EaD). Direcionada a 300 professores do Grupo IV dos Centros Municipais de Educação Infantil (Cmei) e escolas municipais que atendem a mesma faixa etária, a capacitação prossegue até sexta-feira (28).

A carga horária é de 30h, distribuídas em três módulos, com direito a certificação. A formação está sendo realizada através da plataforma do programa. A didática do programa inclui livros de colorir com tracejados, labirintos e cartilha dos personagens da Turma Paxuá e Paramim.

O Programa Pertencimento Ambiental foi lançado no início deste ano, com participação do cantor, compositor e instrumentista Carlinhos Brown, idealizador da iniciativa. Ele, inclusive, gravou um vídeo de boas-vindas aos professores da rede municipal participantes da formação.

O projeto será introduzido na Educação Infantil com os objetivos de estabelecer um vínculo afetivo entre criança e natureza, a partir de atividades inseridas no material pedagógico e de fortalecer a cultura da importância do meio ambiente na rede. A iniciativa está em conformidade com a Base Nacional Comum Curricular, com as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil e com a Lei 9.795/1999, que dispõe sobre a educação ambiental e a Política Nacional de Educação Ambiental.

De acordo com a gerente de Currículo da Diretoria Pedagógica (Dipe), Edna Rodrigues, as capacitações prosseguem mesmo em tempos de isolamento social. “Estamos realizando diversas formações nesse período de afastamento social, pois entendemos que esse processo formativo é muito importante para manutenção do vínculo da Smed com a escola, no diálogo e elaboração de alternativas para o melhor e mais eficaz atendimento aos nossos alunos”, destaca.

Além dessa capacitação, a Smed também realiza nesta semana a Formação Nossa Rede para coordenadores, professores do Ensino Fundamental Anos Finais, bem como para professores da regularização de fluxo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *