Salvador ganha Monumento em Memória das Vítimas de Trânsito

A Federação Nacional das Associações de DETRAN (FENASDETRAN), a Prefeitura Municipal de Salvador e o Governo do Estado inauguraram hoje (1*), o monumento mundial em Memória das Vítimas de Trânsito. O local escolhido em conjunto com órgãos de trânsito e demais entidades foi o Dique do Tororó, próximo à Fonte Nova. Segundo Mário Conceição, presidente da Federação, Salvador foi escolhida dentre as capitais brasileiras para receber o primeiro Monumento nesta modalidade, observando-se que foi uma das cidades no Brasil a responder positivamente ao desafio da ONU de reduzir pela metade os óbitos de trânsito.
 
O dirigente destaca que a Federação enaltece a educação como forma de melhorar o transito. Também participaram da inauguração a vice-prefeita Ana Paula Matos, o diretor do Detran Rodrigo Pimentel, Marcos Passos, superintendente de Trânsito e Armênio Santos, do Ceatv, além de representantes de entidades de trânsito.
 
Mario Conceição diz que o Memorial terá função mnemônica e pedagógica. “A ideia é que se torne espaço de visitação de estudantes, entidades da sociedade civil organizada, especialistas e intelectuais do setor e toda a população local. Uma homenagem justa e necessária a todos que perderam a vida no trânsito brasileiro e mundial”. No Brasil, a cada 12 minutos uma pessoa morre vítima de acidente/sinistro. Globalmente, mais de 3,5 mil pessoas morrem todos os dias nas vias, o que equivale a quase 1,3 milhão de mortes evitáveis e cerca de 50 milhões de pessoas lesionadas a cada ano – tornando-se uma das principais causas de mortes de crianças e jovens em todo o mundo.
O monumento simbolizará o Dia Mundial em Memória das Vítimas de Trânsito e a expectativa é que a edificação da obra seja replicado no Brasil.  São parceiros no projeto as entidades e órgãos Vida no Trânsito, PM/BA, CTBTS, SINDETRAN, ABRAMET, ABRAPSIT, CREA/BA, ICEBRAS, ISTB, Grupo Fraterno Filhos Eternos e Comissão de Direito do Trânsito  da OAB/BA, e a CEATV (Comitê de Estudos e Ações para o Trânsito e Vida).
 
A edificação do monumento conta com apoio do Governo do Estado da Bahia através da Polícia Militar (PM), DETRAN e da CONDER.  A Prefeitura Municipal do Salvador, através da Transalvador, atuou ativamente em conjunto com a Companhia de Desenvolvimento Urbano de Salvador (DESAL) onde foi construído o monumento de concreto e aço inox, que terá cerca de quatro toneladas.
 
O projeto foi criado em 2022, especialmente para a FENASDETRAN, pelo artista plástico Lucca Duarte.
Por iniciativa da FENASDETRAN, CEATV – Comitê de Estudos e Ações para o Trânsito e Vida, entidades e Órgãos parceiros, a data foi celebrada em Salvador Bahia pela primeira vez em 2012. A partir daí, várias ações foram ampliadas e com novas adesões.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.