Webinar para jornalistas debate segurança viária nesta quinta (22)

Com o intuito de oportunizar que jornalistas expandam suas habilidades e desenvolvam novas ideias para além da cobertura habitual das ocorrências no trânsito, será realizado, nesta quinta-feira (22), a partir das 10h, o I Webinar de Jornalismo de Segurança Viária 2021 de Salvador. O evento tem como tema “A comunicação pode ajudar a salvar vidas no trânsito?”.

O encontro virtual realizado pela Prefeitura, por meio da Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) e da Secretaria Municipal de Comunicação (Secom), com apoio da Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária, tem como um dos objetivos auxiliar a imprensa na elaboração de reportagens sobre segurança no trânsito. Os inscritos vão poder debater o tema com palestrantes como Victor Pavarino, assessor de Segurança Viária para a Organização Pan-americana de Saúde (Opas); e Omar Jacob, assessor técnico Regional para a América Latina da equipe de comunicação da Vital Strategies.

“Salvador tem sido destaque internacional no que diz respeito à segurança viária e em investimentos em mobilidade. Com isso, aumenta o interesse da população e da imprensa pela temática do trânsito. Com este encontro com os jornalistas, queremos instigar coberturas que tenham o propósito de promover ainda mais o trânsito seguro, compartilhando experiências de outras cidades no Brasil e no mundo”, explica o superintendente da Transalvador, Marcus Passos.

Durante o evento serão explorados dados sobre segurança viária e fatores de risco, conceitos de sistemas seguros e o que dizem as mais recentes evidências em reportagens internacionais de segurança no trânsito. O webinar reúne especialistas para fortalecer a elaboração de reportagens sobre segurança viária e promover soluções e melhores práticas para a imprensa.

O coordenador da Bloomberg de Segurança Viária Global no Brasil, Dante Rosado, ressalta a importância da imprensa para alertar a população sobre a gravidade causada pelos acidentes de trânsito. “A sociedade encara o acidente como uma consequência natural do trânsito. O poder de mostrar a gravidade disso e alertar a população está nas mãos da imprensa e da abordagem feita em suas reportagens para, assim, mostrar os impactos gigantescos causados em diversas áreas, inclusive no sistema de saúde”, destaca.

Foto: Jefferson Peixoto/Secom

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *