Roma quer imprimir como governador o mesmo ritmo de trabalho que realizou no Ministério da Cidadania

O pré-candidato a governador, ex-ministro da Cidadania e deputado federal, João Roma (PL), disse que quer imprimir como governador do Estado, se vencer as eleições de outubro, o mesmo ritmo de trabalho que imprimiu enquanto ocupou a função ministerial no Governo Bolsonaro. Roma lembrou que, enquanto chefiou a pasta da Cidadania, administrou um orçamento três vezes maior que o da Bahia, levando ações sociais e promovendo o esporte em todos os cantos do Brasil.

“Eu me dediquei muito ao trabalho, consegui ajudar milhões de brasileiros e Deus nos iluminou para que fôssemos assertivos e fizéssemos as coisas acontecerem. Pra se ter uma noção, no Ministério da Cidadania, eu administrava um orçamento três vezes superior ao do Governo do Estado da Bahia. Na imensidão de todo o Brasil, várias ações, construções, ações sociais e de promoção da segurança alimentar e nutricional, fizemos chegar alimentos para milhões de brasileiros”, enumerou Roma algumas das ações durante entrevista à Rádio São Gonçalo, de São Gonçalo dos Campos, nesta quinta-feira (1º).

O pré-candidato apoiado pelo presidente Jair Bolsonaro ressaltou que sua ação como governador seguirá a mesma toada. “Queremos que nos próximos quatro anos a gente possa trazer 40 anos de desenvolvimento na Bahia, pois a Bahia é um estado grandioso. Não tem justificativa para a Bahia estar para trás, perdendo para outros estados do Brasil. Queremos mostrar que a Bahia não é problema para o Brasil, mas solução para o Brasil”, ressaltou Roma.

Nesta sexta-feira (1º), ex-ministro da Cidadania acompanha o presidente Bolsonaro em uma visita a Feira de Santana, que chega ao Aeroporto Governador João Durval às 9h. “O presidente Jair Bolsonaro vem vistoriar as obras de duplicação do trecho oeste do Rodoanel de Feira de Santana, entre a BR 116 Sul e a BR 116 Norte. Essa é uma obra que foi prometida por décadas, até pelo ex-presidente Lula, do PT, mas é o presidente Bolsonaro que fez acontecer e hoje veio vistoriar”, disse Roma, em outra entrevista, dessa vez à Rádio Sociedade News, de Feira de Santana.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.