“Temos que vacinar em massa a população”, defende Suíca após aprovação de uso emergencial

Depois da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizar, neste domingo (17), por unanimidade, o uso emergencial das vacinas Coronavac e da Universidade de Oxford contra a covid-19 no país, o vereador de Salvador Luiz Carlos Suíca (PT) defendeu a vacinação em massa para o povo brasileiro. Para o edil petista, a semana será de correria para que os municípios iniciem imediatamente a imunização de suas populações. Ele também defende o impedimento do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), diante da inércia e dos crimes de responsabilidade que já cometeu durante a crise sanitária.

“É um momento histórico e que pode mudar o rumo dessa pandemia. Agora é vacinar em massa os brasileiros urgentemente.  Além disso, precisamos dar continuidade ao pedido de impeachment de Bolsonaro. É preciso dar um basta nessa gestão genocida. Mais de 210 mil pessoas já morreram por causa da crise e por causa dessa gestão inútil dele. Sabemos das dificuldades, mas o negacionismo fez com o que o caos na saúde fosse acentuado em diferentes regiões, como Amazonas e Rio de Janeiro, tudo por conta das declarações desse presidente irresponsável”, critica Suíca.

O vereador soteropolitano ainda reforça seu pedido de prioridade para a vacinação dos trabalhadores e trabalhadoras de limpeza urbana. Dois documentos foram enviados aos governos estadual e municipal, cobrando que os profissionais fossem imunizados na primeira fase de vacinação. “Aguardamos a decisão das pastas de saúde da Bahia e de Salvador para que isso aconteça. É de fundamental importância vacinar logo quem está na linha de frente. E os garis e margaridas são profissionais que estão promovendo saúde todo dia, principalmente diante desta crise sanitária”, complementa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *