Bolsonaro vem de mãos vazias e deixa conta para o povo pagar, dispara Robinson Almeida, sobre motociatas de presidente na Bahia

Parlamentar ainda elencou prejuízos causados por Bolsonaro a Bahia, entre eles o aumento dos combustíveis

O deputado estadual Robinson Almeida (PT) chamou de “vergonha” as motociatas realizadas pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) em Cruz das Almas e Feira de Santana, nesta sexta-feira (1). O petista disse que o presidente da República vem à Bahia de mãos vazias e deixa a conta para o povo brasileiro pagar. Robinson falou ainda que Bolsonaro ao invés de realizar uma solenidade com entrega de obras e serviços à população, gasta recursos públicos com o “passeio” na Bahia. O petista também responsabilizou o presidente pelo aumento dos combustíveis e a privatização da refinaria baiana Landulpho Alves pelo Governo Federal por deixar a Bahia com a gasolina mais cara do país.

“Bolsonaro cortou mais de R$ 6 milhões do orçamento da UFRB, cortou mais de R$ 26 milhões do orçamento da UFBA, não construiu um hospital, uma escola, nada no seu governo. Ao contrário. Privatizou a refinaria baiana Landulpho Alves que reajustou hoje o gás de cozinha e tornou nossa gasolina a mais cara do Brasil. Privatizou a Eletrobrás, que deixa a conta de luz dos lares brasileiro mais cara. Com seu desgoverno, Bolsonaro colocou nosso país no mapa da fome, tornou tudo caro e impôs o desemprego e a carestia ao nosso povo. É um escândalo, uma vergonha. A Bahia quer trabalho, não quer motociata bancada com recursos público que Bolsonaro e sua turma tiram da saúde, da educação e do povo brasileiro”, criticou Robinson Almeida.

Além de Cruz das Almas, o presidente Jair Bolsonaro (PL) também esteve em Feira de Santana e no sábado, 2 de Julho, faz outra motociata em Salvador.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.