Jovem de 11 anos é morto durante operação da PM; ele era irmão de “chefão” do tráfico

Uma criança de 11 anos que não teve o nome revelado morreu durante uma operação da Polícia Militar no bairro do Vale das Pedrinhas, em Salvador, no final da noite de domingo (14/6). O jovem estava junto com um grupo armado que foi surpreendido por viaturas do Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO) da 40ª Companhia Independente (CIPM/Nordeste de Amaralina).

Policiais que participaram da operação contaram ao Aratu On que receberam, via Centro Integrado de Comunicação (Cicom), uma denúncia sobre traficantes armados na região e montaram a ação para verificar a informação. Na Rua Santo André, os suspeitos atiraram contra as guarnições, que revidaram. Houve confronto e o bando conseguiu fugir, mas um rastro de sangue chamou a atenção dos agentes.

Os militares relataram ainda que seguiram as manchas e encontraram a criança com um tiro no pescoço. Ela foi socorrida para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu ao ferimento.  O caso foi registrado na corregedoria da PM. Na ocorrência, foram achadas armas e drogas.

FAMILIAR 

Ainda de acordo com os policiais militares do PETO da 40ª CIPM, o jovem é irmão de Jones Silva Santos, o “Boneco”. Ele, que era considerado liderança do tráfico no Nordeste de Amaralina, morreu no final de 2013 durante uma operação da Polícia Civil no município de Itacaré.

“Boneco” era da facção criminosa Comando da Paz (CP) e chegou a integrar o “Baralho do Crime” da Secretaria da Segurança Pública (SSP) – uma ferramenta lúdica para mostrar os homens e mulheres mais perigosos da Bahia -.

As informações são do site Aratu Online.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *