Modelo de câmeras na Bahia poderá ser usado por outros estados

O registro de preço de câmeras corporais e os testes que foram realizados pelas forças de Segurança da Bahia poderão servir de modelo para outros estados brasileiros que têm interesse na utilização do equipamento. A parceria foi discutida, na manhã desta quarta-feira (1), na LXXXII Reunião Ordinária do Conselho Nacional de Secretário de Segurança Pública (Consesp), realizada na cidade de Manaus.

Além da troca de informações, os secretários da Segurança Pública debateram também a utilização de recurso do Fundo Nacional de Segurança Pública para a compra de câmeras e os protocolos para uso do equipamento. Representantes de São Paulo e Rio de Janeiro explicaram como a tecnologia já está sendo aplicada nos seus respectivos estados.
“Na Bahia testamos na Copa América e também durante o Carnaval de Salvador, o maior evento a céu aberto do mundo. As câmeras protegem os policiais e a população”, declarou o secretário da Segurança Pública da Bahia, Ricardo Mandarino.
O secretário acrescentou que o processo para a aquisição está sendo analisado pela Procuradoria Geral do Estado (PGE) e, na sequência, será publicada a licitação.

Foto: Ascom | Alberto Maraux

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.