Moradores de Ibotirama e região aproveitam o segundo dia da Feira Cidadã

Moradores de Ibotirama e região acordaram cedo para aproveitar o segundo dia da Feira Cidadã, que tem levado diversos serviços de saúde e cidadania até o município desde ontem, 18.
A dona de casa Terezinha Lima, 61, veio fazer uma consulta oftalmológica. O técnico em telecomunicações Marcos Adriano, 19 anos, também. Ele aguardava por essa oportunidade há um tempo. “Pagar consulta e exames pela rede particular ninguém pode. Uma oportunidade dessa, eu não ia perder, né?”, exclamou o rapaz.
Promovida pelo governo do Estado da Bahia, até sexta-feira, a previsão da Secretaria estadual da Saúde (Sesab) é de que sejam realizados aproximadamente 8 mil procedimentos entre consultas e exames médicos, odontológicos e serviços de cidadania. A emissão de carteira de identidade foi o serviço mais procurado pela população no primeiro dia da Feira, com  cerca de 250 emissões.
A aposentada Regina Mendes não perdeu tempo: fez ultrassonografia transvaginal, raio X do tórax e eletrocardiograma. Moradora do município vizinho Muquém de São Francisco, a aposentada Joana Teixeira, de 75 anos, fez Raio X tórax e aguardava ser chamada para realizar o eletrocardiograma. “Tem de aproveitar e cuidar da saúde. Quem ainda não veio, venha porque vale a pena”, afirmou.
Gislene Souza Silva veio com filho Fabiano de 10 meses no colo. Também trouxe a filha de 12 anos para fazer exames porque a garota aponta que tem dificuldade para enxergar. A dona de casa que veio com uma requisição passada pelo médico para uma ultrassonografia aproveitou para fazer uma restauração no dente. “É muito bom. A gente vem, é bem tratada e ainda faz tudo o que precisa”.

A Feira Cidadã fica em Ibotirama até amanhã, 20. Para ser atendido, é preciso ter em mãos cartão do SUS e comprovante de residência. Para a realização de exames médicos, é necessário ter requisição médica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.