Ocupação hoteleira no Carnaval já é 10% maior em comparação a 2019

No primeiro dia oficial do Carnaval de Salvador, a ocupação média nos principais hotéis da cidade já ultrapassa 80%, percentual 10% maior em comparação ao mesmo período do ano passado. Os índices acima do esperado para a quinta-feira (20) de folia foram comentados pelo secretário de Cultura e Turismo, Cláudio Tinoco, durante o balanço do primeiro dia do Carnaval 2020, nesta sexta-feira (21), na Sala Oficial de Imprensa José Raimundo, no Campo Grande (Circuito Osmar).

“Já começamos muito bem. Tivemos ontem uma taxa que nos surpreendeu para primeiro dia. A gente sabe que ainda não é feriado, mas já estamos com os hotéis cheios e a cidade bastante movimentada. É a partir da noite de hoje (21) e de sábado (22) que os turistas começam a chegar à cidade e, com certeza, essa taxa de ocupação chegará a 95%”, no mínimo”, assegurou o secretário.

Segundo ele, os índices de ocupação hoteleira estão sendo monitorados pelas entidades ligadas ao segmento. Tinoco fez questão de citar que já existem hotéis que estão 100% ocupados, a exemplo do Monte Pascoal Praia Hotel, na Barra, que foi fechado pela cantora Ivete Sangalo para hospedar toda sua equipe de trabalho.

Voos – Além de comentar sobre o crescimento de turistas hospedados, o secretário falou ainda sobre o aumento para 189 o número de voos extras, 11% a mais que em 2019. “Isso demostra essa expectativa nossa de atingir recorde de turistas esse ano – serão 854 mil visitantes até a Quarta-feira de Cinzas”, disse Tinoco.

Até o dia 1° de março, 2.407 voos serão operados no aeroporto da capital baiana. Destes, 2.296 são domésticos e 111 são internacionais.  No total, mais de 380 mil assentos foram disponibilizados pelas companhias áreas para quem quer passar o Carnaval em Salvador ou sair da cidade para aproveitar os festejos em outro lugar.

Renovação  A abertura da Folia de Momo, no Circuito Dodô (Barra/Ondina), foi considerada pelo secretário como um momento de “renovação do Carnaval”. “Quem esteve lá pode assistir uma grande apresentação artística e musical. Percussionistas sendo conduzidos por Brown e seguidos por uma multidão de baianos e turistas. Isso a gente só vê aqui em Salvador e na Bahia. Tenho certeza que essa forma de abrir o Carnaval valorizou outros artistas”, salientou Tinoco.

A cadência no desfile dos trios independentes também foi elogiada pelo titular da Secult. “O evento ontem na Barra teve uma movimentação muito interessante. Foram muitos trios sem cordas, que desfilaram um atrás do outro, sem fazer o público esperar. Sem dúvida, foi o melhor desfile de trios independente dos últimos tempos. Tudo isso graças ao planejamento dessa operação incrível que montamos para o Carnaval. O trabalho das nossas equipes técnicas e operacionais da Saltur que junto com artistas organizaram uma linda festa”, assinalou.

O Circuito Osmar também teve uma quinta-feira com grandes apresentações. “O Campo Grande brilhou não apenas do ponto de vista da programação artística de trios sem cordas, mas, sobretudo na consolidação dos blocos de samba que caracterizam o circuito na quinta-feira”, finalizou o secretário.

Foto: Valter Pontes/Secom

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *