Expectativas para o biênio 2021/2022 da Mesa Diretora

Com relação aos trabalhos para os próximos dois anos, a expectativa dos integrantes da Mesa Diretora é das mais positivas, com destaque para a manutenção dos trabalhos semipresenciais e o protagonismo do Legislativo Municipal.

Presidente Geraldo Júnior (MDB)

“Vamos fortalecer a democracia, com protagonismo, e consolidar o papel da Câmara respeitando a harmonia e a independência entre os poderes”.

1º vice-presidente, vereador Duda Sanches (DEM)

“A expectativa é de mais trabalho nesses dois anos, e independência do Legislativo é a palavra de ordem. Sabemos do protagonismo que tivemos no crescimento e no desenvolvimento da cidade nos últimos oito anos, andando de mãos dadas com a gestão de ACM Neto. Não será diferente com a gestão do prefeito Bruno Reis. A Câmara está aqui para colaborar com esse desenvolvimento tão importante para a terceira capital do Brasil”.

2º vice-presidente, vereador Isnard Araújo (PL)

“Vamos ajudar a cidade, consequentemente ao prefeito Bruno Reis na retomada da economia e também na melhoria das outras áreas de interesse da população, sobretudo no pós-pandemia. Esperamos também a vacina e a mudança da economia para recuperar empregos”.

3º vice-presidente, vereador Joceval Rodrigues (Cidadania)

“Agradeço a Deus e aos colegas por essa recondução e estamos aqui para servir à cidade, dando apoio ao presidente e às comissões, fazendo com que esta Casa continue sendo a de maior produtividade de nosso estado”.

1º secretário, vereador Carlos Muniz (PTB)

“A expectativa é que nós venhamos fazer um trabalho para manter a Casa sempre mais próxima do povo, e fazer com que o povo esteja mais próximo da Câmara de Vereadores. Vamos realizar um trabalho para que o povo esteja nos orientando, como nós esperamos, para que os anseios do povo sejam realizados, não só pela Mesa Diretora, mas por toda a Câmara”.

2º secretário, vereador Sabá (DC)

“As expectativas são as melhores possíveis, pois vamos dar continuidade ao trabalho magnânimo do presidente Geraldo Júnior, algo jamais visto nesta Casa. A grande prova da continuidade desse trabalho grandioso é que ele foi, hoje, reconduzido por aclamação”.

3º secretário, vereador Téo Senna (PSDB)

“Primeiro vamos dar continuidade ao trabalho que estamos desenvolvendo no cargo. É fundamental a nossa presença no desenvolvimento do trabalho da Câmara, que é a caixa de ressonância da sociedade e onde os projetos, as discussões e os debates acontecem. Vamos nos fortalecer cada vez mais para dar esse apoio”.

4ª secretário, vereador Daniel Rios (Patriota)

“Eu acredito que seja um trabalho de continuação, sendo que, pela grande maioria, foi aclamado o presidente Geraldo Júnior. Como não vai ser diferente, vamos conduzir os trabalhos como deve ser, na continuidade, da melhor forma possível, tentando ser, como foi sempre. E como tem dito o nosso presidente, aqui é a Casa do povo e o futuro da cidade sempre passará por aqui”.

Ouvidor-geral, vereador Augusto Vasconcelos (PCdoB)

“Vamos manter a Ouvidoria muito atuante, sendo proativa, ouvindo as comunidades, construindo pontes, buscando alternativas e soluções para a nossa cidade e tendo assento na Mesa Diretora na condução dos trabalhos, que nós possamos respeitar a pluralidade, pactuar os procedimentos visando a garantir todas as vozes que estão representadas na Câmara”.

Corregedor-geral, vereador Claudio Tinoco (DEM)

“É uma honra assumir um papel de fundamental importância para o conjunto dos vereadores. O corregedor, entre outras funções, assume a presidência do conselho de ética e decoro parlamentar. Essa função nos traz também a possibilidade de propor ao presidente, à Mesa Diretora, amplas discussões em relação a temas importantes da cidade. Assumimos uma função para dar a resposta que a sociedade precisa, dando transparência ao exercício da atividade política em Salvador”.

Também integram a Mesa Diretora os vereadores Anderson Ninho (PDT, ouvidor substituto), Cátia Rodrigues (DEM, 1ª vice-presidente, suplente), Ireuda Silva (Republicanos, 2ª vice-presidente, suplente), Fábio Souza (SD, 1º secretário, suplente) e Hélio Ferreira (PCdoB, 2º secretário, suplente).

Foto: Reginaldo Ipê/Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *